Erasmo de Roterdã

Duas coisas, sobretudo, impedem que o homem saiba ao certo o que deve fazer: uma é a vergonha, que cega a inteligência e arrefece a coragem; a outra é o medo, que, indicando o perigo, obriga a preferir a inércia a ação.

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *